11.3.10

Akpsicografia

E a vida
Era tecida
Na ponta
Da caneta

Momento a momento

A mais pura realidade
Travestida
De ficção
Para fingir que a dor
É mera ilusão

Um comentário:

yoko disse...

ciclos intermitentes,
intermináveis.

saudades daqui =)